NUNCA COLOQUE UM SITE EM CONSTRUÇÃO NO AR

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no tumblr

Um site na internet é sempre uma oportunidade de negócio, que você pode conquistar ou desperdiçar. Rotineiramente esbarro em sites com a mensagem: site em manutenção, voltaremos em breve. Ou ainda pior, sites que acabaram de ir para internet e já nascem com a frase: site em construção!

Por favor, para o seu bem e do seu negócio, não faça isso. Eu gravei um vídeo inclusive, que está no final deste artigo, falando mais detalhes sobre isso.

Vou lhe dar 3 motivos para não fazer isso e mostrar os motivos pelos quais você nunca deveria colocar um site em construção (ou em manutenção) no ar.

  1. As pessoas não estão procurando um site em construção, mas sim um serviço ou produto. Se caírem no seu site, sequer vão lembrar o nome dele. Vão voltar para listagem de resultados de sua pesquisa e clicar em algum link que tenha o que eles precisam;
  2. É muito fácil sair de um site e entrar em outro (por mais óbvio que isso lhe pareça). Dificilmente você terá uma segunda chance com clientes novos;
  3. Nada é mais frustrante do que após buscas e mais buscas, não encontrarmos o que queremos. Além de perder o usuário, poderá ganhar detratores que resistirão a dar uma segunda chance ao seu site.

Como colocar um site em construção no ar, de forma correta e focada em conversão?

Não é um problema sem solução seu site ainda não estar pronto. É comum registrarmos o site antes e querermos colocar algo lá sim, mas preciso reforçar o que falei no começo do artigo: um site na internet é sempre uma oportunidade de negócio, que você pode conquistar ou desperdiçar.

Para que não desperdice clientes, aqui vão 4 dicas para sites em construção focados em conversão:

  1. Utilize o site em construção para falar, resumidamente, o que faz ou oferece. Quem acessar não perderá a viagem e lhe conhecerá, ainda que com um site resumido;
  2. Se você presta serviços (sites, consultorias, criação de marcas), deixe seu último trabalho disponível;
  3. Deixe seus contatos e principalmente um form para contato ou orçamento;
  4. Se você produz conteúdo (infoprodutos), já deixe algum material para download e a opção de assinar sua lista.

Percebeu como é simples? Só que o foco está em conversão. Veja um exemplo de página de captura, totalmente focada em conversão. Muitas desses páginas são utilizadas em processos de captura, antes de criarem os sites completamente.

Squeeze Page - Página de Captura
Squeeze Page – Página de Captura

Gostou dessa dica? Então deixe seu comentário e não esquece de assinar minha lista e me seguir nas redes sociais. Sempre tem conteúdo diferente por lá.

Aqui está o vídeo que gravei, explicando ainda mais detalhes sobre nunca colocar um site em construção no ar.

Adriano Gianini

Adriano Gianini

Adriano Gianini é um dos Maiores Especialistas e Produtores de Conteúdo sobre Google Ads no Brasil. Seu canal do YouTube oferece conteúdos gratuitos que têm ajudado milhares de pessoas a anunciarem no Google de forma inteligente. Acredita que Marketing é uma construção e que, por isso, toda empresa bem direcionada pode traçar uma estratégia de vendas campeã no Google.

Aprofunde seu conhecimento com os artigos abaixo:

2 respostas para “NUNCA COLOQUE UM SITE EM CONSTRUÇÃO NO AR”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mensagem enviada com sucesso!

Logo retornaremos o seu contato.